A Flexlink utiliza robôs delta da FANUC para atingir velocidades de recolha impressionantes numa nova linha

Tarefa:
Redesenhar uma linha de montagem para aumentar a produtividade e atingir velocidades de trabalho de 60 peças por minuto. Automatizar o trabalho antes executado manualmente, garantir um manuseamento, posicionamento e até dobragem precisos, melhorar o controlo de qualidade e implementar medidas para prevenir bloqueios.

Solução:
Utilizar um robô delta FANUC M-1iA equipado com iRVision para inspecionar visualmente e recolher itens que chegam aleatoriamente a um tapete de transporte antes de os colocar num tapete de transferência. Utilizar um LR Mate 200iD para os recolher e inserir em embalagens. 

Resultado:
Uma linha de produção simples e compacta com excelentes tempos de ciclo, que dispensa a necessidade de tapetes de transporte e equipamentos adicionais.


Dois robôs compactos diferentes para carregamento flexível de blisters

A Flexlink possui um robô delta e um robô antropomórfico (fabricado pela FANUC) para implementar um sistema de carregamento automático e inovador de blisters, no setor farmacêutico. O manuseamento de materiais de uma máquina para outra numa linha de produção é uma das principais competências da Flexlink que, desde os seus conhecidos tapetes de transporte, tem capacidade para oferecer várias soluções totalmente personalizadas e robotizadas para otimizar o fluxo de materiais e informações no âmbito dos processos de produção: desde pequenas instalações até estabelecimentos completos.

Atualmente, faz parte do grupo Coesia e apresenta uma longa tradição e grande experiência na criação de soluções robotizadas em diversas áreas de aplicação diferentes; desde a indústria cosmética à farmacêutica, desde produtos de consumo a cartões eletrónicos.

Segundo Andrea Sambuy, CEO da Flexlink, em Itália e nos países emergentes: "O grupo Coesia oferece uma gama completa de máquinas de embalagem automatizadas e de soluções de processamento industrial.  A Flexlink pertence à divisão IPS (Industrial Process Solutions), que se dedica essencialmente à gestão do fluxo de produtos entre duas máquinas numa linha de produção."

Flexibilidade e compacidade para aplicações médicas.

Um exemplo da utilização inovadora de soluções robotizadas em combinação com um tapete de transporte foi alcançado pela Flexlink para um importante produtor de dispositivos médicos que procurava aumentar a produtividade. A intervenção da Flexlink tinha como finalidade interligar a linha de montagem de forma mais eficaz, garantindo uma maior produtividade em comparação com as atividades anteriores processadas apenas manualmente e, em simultâneo, implementar um maior controlo de qualidade para evitar bloqueios causados pela presença de produtos não dispostos corretamente. A peça a processar, consoante o lote de produção, é fechada com uma tampa de cor diferente que identifica o respetivo comprimento e tamanho.

A peculiaridade desta peça, do ponto de vista da manipulação, é o facto de requerer uma posição muito singular; não pode ser simplesmente movida e depositada, alguns elementos têm de ser dobrados corretamente e depois delicadamente empurrados e inseridos na embalagem.

Além disso, outra dificuldade inerente existente no curso deste projeto consistiu em alcançar a velocidade de trabalho solicitada, equivalente a 60 peças por minuto.

Um robô para cada utilizador.

A Flexlink optou por recorrer a uma solução com robôs especialmente avançados de dois tipos diferentes: um robô delta modelo FANUC M-1iA e um robô FANUC antropomórfico modelo LR Mate 200iD, ambos suportados por um sistema de visão iRvision.

O primeiro robô recolhe as peças em movimento e coloca-as a granel no tapete rolante de carga. O robô está equipado com um sistema de visão que orienta a recuperação automática da peça que chega numa posição e com orientação desordenadas no tapete rolante. O referido sistema de visão também efetua a certificação de qualidade de cada peça que chega. Caso sejam detetadas anomalias, a peça será deixada no tapete de transporte e no fim rejeitada.

Uma vez recuperadas, o robô FANUC M-1iA coloca as peças num tapete de transporte intermédio ativado por motores de passo para orientá-las de forma correta na área de recuperação.

Neste ponto, o robô antropomórfico FANUC LR Mate 200iD, equipado com um mecanismo de fixação duplo, intervém inserindo os dois componentes para mover cuidadosamente a peça e inseri-la na sua embalagem. O sistema de visão, quando combinado com o segundo robô, efetua outra verificação para impedir qualquer tipo de posição incorreta.

"A escolha de um robô delta compacto para a primeira recuperação foi baseada na necessidade de explorar mais eficazmente o espaço e obter excelentes níveis de desempenho, em termos de velocidade e precisão", explica Davide Zuffa, diretor de engenharia da Flexlink. O robô FANUC M-1iA foi criado para fazer face a este tipo de projeto em que é necessário mover e montar pequenos objetos com altas velocidades e precisão. Trata-se de um modelo muito compacto com um diâmetro de trabalho de 280 mm e com capacidade de transporte de carga até 500 g. Ao aliar o sistema visual, deixa de ser necessário colocar os objetos numa determinada posição antes de serem recolhidos pelo robô. O robô procura-os individualmente. Zuffa prossegue: "Foi assim possível eliminar outros tapetes de transporte e dispositivos que colocariam as peças corretamente, bem como uma série de outros elementos que tornariam o sistema de transporte mais complexo e pesado. Além disso, é possível gerir facilmente a alteração do formato de produção. Apenas necessitamos de intervir no software para mover todos os tipos de produto. A nossa solução é totalmente universal e oferece uma vantagem significativa ao nível da compacidade do sistema final."

A máquina completa mede cerca de 3 m e está equipada com 2 robôs posicionados de forma a permitir o acesso fácil por parte do operador e para facilitar as atividades de limpeza periódicas.

A compacidade e leveza são duas caraterísticas importantes do robô antropomórfico FANUC LR Mate 200iD, construído com uma estrutura em liga de alumínio, com um peso global de 20 kg e capacidade de carga até 7 kg, com um alcance de 700 mm. Zuffa explica: "A excelente capacidade de carga do robô LR Mate 200iD permitiu-nos processar corretamente o movimento simples de inserção de blisters, através da operação de duas peças em simultâneo, o que é essencial para obter os tempos de ciclo de trabalho requeridos para este projeto. Neste caso, o sistema de visão não efetua o acompanhamento, mas controla a qualidade na área de depósito. Graças à experiência adquirida e à facilidade de configuração do software iRVision, não foi difícil alcançar o objetivo a que nos propusemos."

Cooperação vencedora

A experiência adquirida pela Flexling, no domínio das soluções robotizadas, aliada à qualidade dos produtos e aos serviços de assistência da FANUC, representou uma combinação vitoriosa que contribuiu para o enorme sucesso da solução implementada; atualmente já está a funcionar há algum tempo de forma ininterrupta, em três turnos de trabalho, tendo sido, subsequentemente, replicada pelo cliente final, face ao excelente desempenho obtido.

Zuffa realça: "Os produtos FANUC garantiram sempre um desempenho e funcionalidade ideais, mas o fator humano faz uma diferença ainda maior. A relação com o serviço técnico é excelente e baseia-se numa cooperação e eficácia máximas."

Com esta máquina, na Flexlink, criámos os alicerces necessários para obter soluções para o carregamento de blisters a nível internacional, muito flexíveis e produtivas, que permitem uma rápida adaptação às diferentes necessidades específicas dos clientes que operam nos diversos mercados.

Sambuy conclui: "Trata-se de um elemento importante adaptado à sinergia global do grupo Coesia. O objetivo consiste em ter cada elemento que possa ser útil para fornecer uma linha de produção completa às grandes multinacionais, desde o processamento inicial do produto básico até ao respetivo carregamento final numa palete. Já estão ativos vários tipos de colaboração com as empresas do nosso grupo para que possamos explorar as respetivas competências, envolvendo também os fornecedores que conseguem garantir essa flexibilidade e capacidade de resposta, necessárias para competir no mercado global. É muito fácil trabalhar com a FANUC, pois é uma empresa que, além de fornecer produtos de qualidade, demonstrou capacidade para dar resposta, de forma eficaz, às nossas necessidades, bem como disponibilidade para satisfazer os nossos pedidos de suporte. O objetivo comum é a satisfação do cliente, uma vez que espera soluções fiáveis e consistentes, adequadas a todas as necessidades do mercado."