Centro de maquinação de fabrico de relógios
Strong tag: Solução dedicada que representa uma mais-valia para o setor relojoeiro


Tarefa:
Desenvolver um centro de maquinação de fabrico de relógios suficientemente compacto, preciso, fiável e flexível para se adaptar aos pequenos ciclos de produção. Para tal, a identificação do controlador numérico, da cinemática e dos robôs certos para a máquina seria fundamental.

Solução:
Criar um centro de maquinação constituído por uma máquina com 3 eixos numéricos e um eixo C baixo no cabeçote da árvore. Recorrer à FANUC para obter componentes essenciais, como o controlador numérico, entradas e saídas (E/S), sistemas de acionamento, motores, codificadores e a interface para medições do eixo linear. Equipar o centro de maquinação com um robô industrial FANUC LR Mate 200iD/4S.

Resultado:
O centro de maquinação de fabrico de relógios está a introduzir um novo dinamismo no setor relojoeiro suíço. Os designers, os fabricantes de instrumentos e as empresas subcontratadas têm atualmente ao seu dispor recursos de produção compatíveis com a "Indústria 4.0" que permitem dar resposta às respetivas ambições a nível global.
Uma máquina concebida para fabricar relógios tem de ser, acima de tudo, precisa e fiável. Também deverá ser flexível para se adaptar aos pequenos ciclos de produção. O controlador numérico, a cinemática e a robotização desempenham um papel fundamental no cumprimento destes requisitos. No caso da nova máquina padrão Emissa, estes fatores foram decisivos.

Sedeada em Le Locle (Neuchâtel), a Emissa, fabricante de máquinas personalizadas e padrão para a produção automóvel e relojoaria, realiza 90% do processo de produção dos seus componentes internamente. Em colaboração com a Pibomulti, uma filial fabricante de ferramentas, aplica as mais eficientes tecnologias de maquinação para garantir a produtividade, a precisão e a flexibilidade exigidas pelos utilizadores das respetivas máquinas. Desde o falecimento de Pierre Boschi, o carismático chefe que uniu as duas empresas, Massimo Schiavi assumiu o cargo de diretor de técnico e comercial deste grupo que emprega 100 pessoas. "Os nossos clientes no setor relojoeiro procuram uma maior flexibilidade, recorrendo frequentemente a máquinas automatizadas. Graças às nossas máquinas padrão, temos capacidade para produzir equipamento de produção personalizado com prazos de entrega muito curtos", explica. "A escolha certa do controlador numérico, cinemática e robôs é, portanto, um fator determinante."

Atome, o centro de maquinação de fabrico de relógios com um design evolutivo

No âmbito desta estratégia, o departamento de design da Emissa desenvolveu o centro de maquinação Atome. O centro consiste numa máquina com 3 eixos numéricos e um eixo C baixo no cabeçote da árvore. Este elegante conjunto viabiliza a utilização de buchas, grampos ou flanges na montagem das peças de trabalho. Um carregador de ferramentas equipado com dois braços com pinça e com várias opções permite executar todas as operações de maquinação necessárias à relojoaria e aos acabamentos decorativos, como rolamentos, nivelamento ou criação de côtes de Genève, etc. O modelo de controlador numérico da FANUC é 0i-MF. A versão de canal duplo deste novo modelo, apresentado em 2015, permite executar simultaneamente dois programas independentes sincronizáveis. O seu ecrã tátil e ferramentas de personalização de ecrãs que a FANUC Picture oferece permitiram à Emissa redefinir a interface homem-máquina para satisfazer plenamente as necessidades dos clientes. É possível integrar pictogramas e gráficos, especialmente no modo de operação, para uma orientação otimizada do técnico de configuração. O software FANUC MT-LINKi integra/disponibiliza dados e apresenta graficamente o estado das várias máquinas na rede. Esta integração perfeita abre caminho à implementação da "Indústria 4.0", a 4ª revolução industrial. Os motores da FANUC também incluem tecnologia de ponta, oferecendo de série 4 milhões de impulsos por rotação. Trata-se, portanto, de outra mais-valia no âmbito do controlo otimizado dos eixos que geralmente são de interpolação linear ou circular. "Este é um fator determinante para obter superfícies com acabamentos perfeitos, especialmente no que diz respeito aos contornos", sublinha Tom Grillot, técnico de vendas da FANUC. Para aumentar ainda mais a flexibilidade e a autonomia do centro de maquinação de fabrico de relógios Atome, é possível instalar um robô num dos lados desta máquina muito compacta. Neste caso, o fabricante também optou por um robô FANUC do tipo LR Mate 200iD/4S. Com dois eixos controlados e uma capacidade de carga do punho de 4 kg, oferece uma capacidade de repetição de posicionamento de +/-0,02 mm. Além disso, também pode ser programado utilizando o software de simulação FANUC ROBOGUIDE, o que lhe permite uma adaptação rápida e fácil às mudanças na produção em série. Dispostos na base do robô, os tabuleiros vazios são montados no mandril e posteriormente, no fim da operação, são removidos. O processo de reposição de uma nova série é muito rápido, dependendo das configurações das peças de trabalho.

"Os nossos clientes no setor relojoeiro procuram uma maior flexibilidade, recorrendo frequentemente a máquinas automatizadas. Graças às nossas máquinas padrão, temos capacidade para produzir equipamento de produção personalizado com prazos de entrega muito curtos. A escolha certa do controlador numérico, cinemática e robôs é, portanto, um fator determinante."

Fiabilidade FANUC em todo o mundo
O CTO da Emissa mostra-se satisfeito com a decisão de colaborar com a FANUC como parceira estratégica: "Com um tempo médio entre falhas (MTBF) superior a 50 anos com o CNC 0i, a fiabilidade de todas as máquinas FANUC é incomparável", afirma. "Além disso, a FANUC opera em todo o mundo e pode monitorizar as nossas máquinas, onde quer que estejam instaladas", acrescenta. Com 3,3 milhões de controladores digitais instalados em todo o mundo, a FANUC é claramente um líder de mercado. A disponibilidade de peças sobresselentes de todos os produtos FANUC está garantida durante 25 anos. Na grande maioria dos casos, tal como acontece com a máquina Atome, a FANUC disponibiliza um pacote completo que inclui entradas/saídas (E/S), sistemas de acionamento, motores, codificadores e a interface para medições do eixo linear. Na mesma medida, um único fornecedor satisfaz todos os requisitos do fabricante da máquina e do utilizador final. "Graças à colaboração com a FANUC, os fabricantes suíços, que são grandes exportadores de máquinas-ferramenta, têm a garantia de poderem monitorizar os seus produtos em todo o mundo", comenta Tom Grillot. Por fim, a variadíssima gama de produtos disponibilizados, como os controladores CNC, outros sistemas de controlo, os motores e a robótica, permite à FANUC cumprir todos os requisitos imagináveis. Tudo isto faz do grupo FANUC líder mundial na automação de instalações de produção em rede.

Ao serviço dos relojoeiros
A parceria entre a Elissa e a FANUC está a introduzir um novo dinamismo no setor relojoeiro suíço. Os designers, os fabricantes de instrumentos e as empresas subcontratadas, que desempenham um papel preponderante no setor relojoeiro, têm atualmente ao seu dispor recursos de produção que permitem dar resposta às respetivas ambições a nível global. Não só podem manter a sua reputação de fiabilidade e de qualidade a nível mundial, como podem agora utilizar recursos de produção compatíveis com a "Indústria 4.0" no processo de fabrico. Este dinamismo oferece uma solução para os problemas económicos e estruturais atuais e futuros.